Cultura do convite – O percurso Alpha

Cultura do convite – O percurso Alpha

A (minha) Francisca Eiriz vê corações, e vê o meu. Sabia que Ele existia nele, entre os meus silêncios, nas palavras escritas, nas lágrimas derramadas, e nos sorrisos de esperança. Com a mensagem “é agora”, o convite chegou (uma vez mais) para embarcar no percurso Alpha. Com um percurso muito meu na fé, as reticências de quem não sabia o que ali poderia encontrar estavam presentes. Confiei. Confiei uma vez mais na “voz que não se impõe” e que “ouvia a segredar”. As noites de partilha, o coração quente e a transbordar, a generosidade de todos na mesa, a força transformadora da comunidade, o encontro com Ele. Cada palavra e momento partilhado pelos que comigo fizeram este caminho comigo, tornaram não só o percurso mais rico, como me tocaram, me revelaram o dom da amizade, da verdade, da vida. Tudo isto, e tanto mais fizeram parte de uma profunda experiência, transformadora e que me fizeram ouvir novamente a sua voz, e em avançar com Ele, que comigo sempre está. Com a paz no coração, que este percurso muito meu na fé, é assim mesmo, nosso. O Alpha foi e é ponte, abraço, comunhão com Ele.

Rita de Almeida Neves

Deixar uma resposta