aDeus, Lídia Campos

aDeus, Lídia Campos

Esta semana a Igreja de SJosé ficou muito mais pobre: após um calvário de cerca de 2 semanas, a nossa muito querida Lídia partiu na passada segunda feira dia 17 definitivamente para a casa do Pai que ela serviu com tanto amor e dedicação nesta paróquia.

O funeral foi na terça-feira na igreja de SJosé. Querida Lídia, descansa em paz entre os esplendores da luz perpétua.

Deixamos aqui algumas partilhas dos muitos comentários que foram aparecendo nas redes sociais.

“Foi catequista dos meus filhos mais velhos e sempre lhe agradecerei essa colaboração preciosa! Embora já tenham passado muitos anos, perguntava sempre por eles e tinha uma palavra amiga. Muito obrigada, Catequista Lídia! Por todo o Bem e Amor ao Pai por si semeados.”

Inês Maurício

 

“É uma grande perda. Conheço-a há pouco mais de um ano mas foi claramente uma das pessoas que mais me marcou pelo amor que tinha à Igreja: assídua da Eucaristia, adoradora, sempre disponível para o que fosse preciso. Espero com alguma ânsia poder encontrar-me de novo com ela no Céu! ?

De vez em quando deixava-me uma garrafita de vinho junto à minha secretária, perguntava-me muitas vezes pelos meus filhos (que mal conhecia…), e quando lhe tirei esta foto, aquando da visita do Sr Bispo, fartou-se de ralhar que não tinha jeito nenhum andar a fotografar as velhas…

Na sexta já estava muito amarela e respirava com muita dificuldade. No sábado fui a Fátima e comprei-lhe uma Santa Jacinta para lhe fazer companhia nas horas de solidão na sua cama de hospital: ontem, durante o dia, várias pessoas vinham ter comigo com recados da parte dela a agradecer a estatueta… partiu de facto uma senhora extraordinária e de quem vou ter muitas saudades!”

Paulo Farinha Silva

 

“Conheço a D. Lídia há anos… Muito me incentivou a fazer leituras. Descanse em Paz!”

José Crespo Carvalho

 

“Conheci esta senhora através da Adoração Eucarística. Que descanse em Paz… os pêsames para toda a família.”

Maria Lurdes Trindade

 

“Lídia, a mulher simples e simpática que acaba de nos deixar. Que Deus te guarde no Seu amor fraterno.”

Manuel Pimenta

 

“Lídia… que o aconchego do Pai Celeste seja reconfortante após estas semanas de calvário. Agradeço tudo quanto me ensinou, o apoio e carinho que sempre me deu… Até sempre”

Ana Carvalho

 

“Sem dúvida, um testemunho grande de serviço à Igreja e de amor a Deus! Descanse em Paz! Até um dia”

Rita Fonseca

Deixar uma resposta

A não perder nos próximos dias: