Marcações de Batismos

O que é o Baptismo?

– O Baptismo é um sacramento: um sinal visível – a água e as palavras do celebrante .- que, por sua vez, é sinal de uma realidade invisível mas real: o amor e a salvação de Deus.
– O Baptismo é o primeiro sacramento. Pelo Baptismo, abrem-se-nos as portas da vida cristã e passamos a fazer parte da Igreja, a comunidade dos que seguem Jesus Cristo.
– O Baptismo faz-nos filhos de Deus. Pelo Baptismo, nascemos para uma vida nova e vivemos a felicidade de ter a Deus como Pai.
– O Baptismo une-nos a Jesus Cristo, faz de nós seus irmãos, faz-nos participar do seu mistério pascal: morremos com Ele, somos sepultados com Ele e ressuscitamos com Ele. Com Ele passamos da morte do pecado para a Sua vida sem fim.
– O Baptismo dá-nos o Espírito Santo que é a luz que nos ilumina, a graça que nos renova, a força que nos impele a viver o Evangelho e a amar todos os homens e mulheres.

 

O que preciso para preparar um Baptismo?

Para preparar um Baptismo, tem de iniciar o processo apenas com 3 meses de antecedência.

Tudo começa com uma conversa com o pároco que, em S. José, atende às quartas e sextas das 17h00 às 19h00 e das 19h30 às 20h00. Aconselhamos a contactar previamente a secretaria no sentido de pre-acordar uma hora específica para evitar esperas e desencontros inúteis.

Depois, deve dirigir-se ao Cartório Paroquial para levantar um impresso, que deverá preencher com todas as informações pedidas. Algumas informações adicionais:

  • Os padrinhos têm de ter mais de 16 anos. Sejam batizados na Igreja Católica e tenham celebrado a 1ª Comunhão e de preferência também o Sacramento da Confirmação / Crisma. Sendo casados, que sejam casados pela Igreja. Sejam cristãos praticantes e comprometidos em Igreja e tomem a sério o compromisso de auxiliar os pais na educação cristã da criança.
  • Depois de o processo orientado, os Pais e os Padrinhos terão de participar em duas sessões de Preparação para o Baptismo.

Sessões de preparação para o Baptismo:

  • 1ªs e 2ªs sextas-feiras de cada mês, às 21h junto à secretaria. (são duas as reuniões em que a presença dos pais e padrinhos é obrigatória).

 

Questões práticas a ter em conta antes do Baptismo: 

Critérios na escolha dos padrinhos
1. Os pais devem levar muito a sério a escolha de bons padrinhos para os seus filhos, para que os padrinhos não se tornem numa instituição de simples formalismo.
2. Nesta escolha, não se devem guiar apenas por razões de parentesco, amizade ou prestígio pessoal, mas por um desejo sincero de garantir aos filhos que tenham padrinhos capazes de fluir, mais tarde, de modo eficaz, na
educação cristã do afilhado.

A veste baptismal
A veste baptismal deve ser branca.
O sentido de branco na liturgia tem a ver com a pureza. Pelo Baptismo a criança é incorporada na Igreja e nasce para uma vida nova, a vida da graça.
Esse sentido de nova vida traz consigo a pureza interior simbolizada na veste branca que a criança deve trazer.

A vela do Baptismo
Os pais devem adquirir, atempadamente, a vela do baptismo, que só deve ser acendida no Círio Pascal, durante a celebração do Baptismo, e quando lhes for indicado.

Flores 
Sempre que os pais desejarem ornamentar a Igreja com flores, devem contactar, com, pelo menos, duas semanas de antecedência, a zeladora da Igreja.

Transferências de Baptismo
Quando o Baptismo é realizado numa paróquia exterior à paróquia de residência dos pais da criança, o processo de baptismo deve ser transferido. Os pais devem contactar o seu pároco, pois, o processo desenvolve-se com critérios específicos que devem ser respeitados.

Para saber mais clique aqui